Dicas para Trabalhar Melhor em Home Office

Quando se fala que alguém trabalha de casa dois comentários sempre se destacam, o primeiro é “meu sonho” e o segundo é “não sei como consegue”. Existem muitas vantagens e desvantagens, é claro, e já falei sobre elas aqui, mas é preciso de um pouco mais de organização para funcionar bem! E é isso que vim aqui listar para vocês hoje:

1 – Faça listas

Se você já não tem esse costume, comece a praticar para virar um hábito. É super necessário e facilita muito para visualizar suas tarefas. Pode ser no bom e velho papel, mas também existem aplicativos de listas e tarefas que podem ajudar. Eu particularmente acho extremamente prazeroso riscar uma tarefa concluída, e me cobro mais quando preciso colocar ela novamente na lista da semana seguinte.

Mas as listas ajudam a planejar melhor as atividades, dá para separar por tipos e urgências. Por exemplo, separar por ligações a fazer, emails para escrever, produções de texto ou conteúdo, pesquisa, tarefas de prioridade e tarefas secundárias. Cada um vai ter seu método que atende melhor a rotina, e é bom ir testando vários para render ao máximo.

2 – Programe as refeições

É uma delicia estar em casa e poder parar para fazer aquele almocinho delícia com tudo que mais ama, fazer arroz, cozinhar feijão fresquinho, preparar aquela torta incrível. Mas cozinhar sempre leva tempo, não só de preparo, mas tem ainda esperar ficar pronto. E não você não vai render no trabalho enquanto o arroz está fervendo e prestes a queimar.

Então programe para preparar refeições nos finais de semana ou a noite, quando seu expediente já acabou. Tenha itens pré preparados, coisas práticas para usar seu horário de almoço da melhor forma, só aquecendo algo ou finalizando alguma comida.

3 – Tenha um espaço organizado

Se você tem um cômodo só para isso, se é no seu quarto ou até mesmo na sala, tenha ele organizado. Principalmente o que tiver na sua vista. No tempo que tive minha mesa no quarto, com vista para minha cama, percebi que eu não conseguia render bem até que a cama estivesse arrumada e a roupa organizada.

Então mesmo que você não tenha muito como organizar tudo, tente separar uma área boa para trabalhar e não ficar perdido entre papéis, roupas, fios e cacarecos. Mesmo que você tenha que parar 1 vez ao dia para organizar tudo e separar cada coisa em seu lugar.

Dependendo a área que trabalhar, procure formas de organizar suas coisas, forma de organizar papéis e documentos, livros de consulta com fácil acesso, materiais menores em potes e gavetas. Facilita muito a vida ter tudo a mão e com local definido.

4 – Separe as tarefas de casa e de trabalho

Tenha um tempo certo, seja ele um dia da semana ou período do dia definido para fazer as coisas de casa.Pra quem gosta de cuidar da casa, essa é uma das maiores tentações, cuidar da roupa, passar uma vassoura, um pano, limpar aqui e ali. Principalmente quando o trabalho não rende, nada funciona e tudo começa a dar errado.

Não deixe as tarefas da casa livre para fazer quando der na telha. O melhor é separar um período do dia que esteja mais tranquilo ou um dia inteiro se preferir assim. Dessa forma, você separa pessoal do profissional, sem nada entrar em conflito.

5 – Tire o pijama

Sei que tem gente que funciona super bem ficando de pijama o dia todo. Mas eu acredito que é que como levar o trabalho a sério tirar o pijama para começar o dia de trabalho sabe? Tem gente que gosta de fazer a produção toda, ainda mais quando o trabalho exige reuniões por call. Tem gente (como eu) que é adepto do mendig’office, até troca de roupa, mas usa roupas de ficar em casa mesmo, folgadas e confortáveis. Mas é importante separar a folga e o fator relax do pijama da hora de trabalhar.

6 – Day off

Trabalhar de casa pode ser muito mais desgastante por ter o trabalho sempre a mão. Poder trabalhar mais um pouco quando todos foram dormir, adiantar algo do dia seguinte sem distrações, levar o notebook pra cama, pro sofá na hora do filminho. Então no meio disso tudo fica difícil ter momentos realmente de desligar para o lazer. E é claro que isso é péssimo para nós. O estresse pode aumentar muito, cansaço, desgaste físico emocional e aquela sensação de sobrecarregada.

Então aprenda a criar dias de folga ou períodos de folga de vez em quando. Se tem muito trabalho na fila, se organize para começar um dia a trabalhar só depois do almoço. Se chegou em um período mais tranquilo, tire um dia de folga, saia de casa, tome um café, ande por aí. É preciso saber que precisamos de momentos para relaxar e descansar a cabeça, sem ficar se cobrando que poderia estar produzindo mais, criando algo novo, começando um projeto que está no papel.

E para quem presta serviço nos finais de semana, é importante reservar algum dia da semana para ser o dia de folga mesmo! Sem nenhum serviço ou atendimento.

7 – Defina horários

Não deixe sua agenda aberta pra agir de acordo com suas vontades. Nada disso! Defina o horário de começar pela manhã, seu tempo de almoço, que horário vai finalizar seu dia. Isso é muito importante para não trabalhar em excesso ou para não perder tempo achando que tem tempo de sobra sabe?

8 – Limite ambientes

Não torne sua vida em uma loucura desnecessária. Banheiro é banheiro. Cozinha é cozinha e cama é para dormir. Abrir uma deixa em um dia para continuar trabalhando enquanto fica de olho na panela que está fervendo; deixar uma reunião rolando – com o microfone mutado – e vai ao banheiro acompanhando a reunião; faz o trabalho todo errado trabalhando da cama, sem uma postura correta, sem usar o mouse do jeito certo.

Não abra excessões, porque elas só vão abrir espaço para outras oportunidades. Pense sempre que se você precisa ir ao banheiro em um trabalho formal, você pede lisença e vai, você senta de alguma forma – quase – correta em sua cadeira, não continua o trabalho no refeitório enquanto come. Então porque fazer coisas absurdas assim só porque trabalha em casa não é?

9 – Aprenda a dizer não

É muito comum as pessoas acharem o máximo você estar em casa. Acham que a vida é mais fácil, que você vive de folga. Mas ninguém vê a sua realidade! Aí acham que você pode parar no meio do dia para tomar café durante as férias delas, ou um almoço bem prolongado. E é claro, tem sempre aqueles que pedem um favorzinho “já que” você fica em casa. Enfrentar uma fila nos correios, no banco, ir em tal lugar ver algo pra ela e por aí vai.

Ou para quem empreende, tem sempre cliente que quer que você esteja a disposição para atender a qualquer horário.

Então saiba dizer não, saiba se posicionar e fazer com que os outros te levem a sério também.

10 – Organize as saídas

Tem serviço para fazer na rua? Aprenda a programar bem os dias que precisa sair. Se é para ir em cartório, banco, comprar insumos, atender/visitar clientes, postar encomendas ou até mesmo fazer coisas pessoais. Entenda o tempo que você vai perder de locomoção para ida e volta, tempo gasto no local, se tem intervalo entre um compromisso e outro para trabalhar de algum local. Então programe se precisa levar algum material, se pode fazer algo a mais durante os intervalos ou até mesmo no transporte. Aprenda a otimizar seu tempo, principalmente quando precisa sair.

E pronto, 10 dicas super importantes para trabalhar bem dentro de casa, rendendo, sem exagerar e ficar maluca!

Imagem de capa por 

Comments

comments

Mari Medeiros

Relações Públicas, fotógrafa, maquiadora, conectada e que gosta de fazer de tudo um pouco pra não cair no tédio.