Livro – Mauricio : A história que não está no gibi

Tão bom quanto ler um livro é ler uma auto biografia de alguém que você já admira e passa a conhecer mais sobre ela. E foi isso que aconteceu comigo quando li a história do Mauricio de Sousa. Sempre admirei o trabalho dele, fui fã e como a maioria dos brasileiros, o trabalho dele marcou boa parte da minha vida. Lembro de ir até a banca comprar gibi novo, de disputar o almanaque com meus primos nas férias, de ter bonecão da Rosinha e da Mônica e lembro de ter ido na primeira versão do Parque da Mônica. E lembro de detalhes, como a casa do louco, o brinque que era do fundo do mar e o meu favorito, o banco. Saí toda feliz com meu talão de cheque e cartão de lá.

Mas nunca me aprofundei na história por trás de tudo aquilo. E não sei porque nunca pesquisei mais, porque eu amo saber das histórias por trás de coisas que amo sabe? Até que vi o livro do Mauricio nas livrarias e já fiquei louca para ler. Eis que finalmente chegou a vez dele na minha eterna fila de livros para ler. Menos de uma semana e pronto! Agora vim contar um pouco para vocês.

Ler este livro é como estar sentada numa varanda ou algo assim ouvindo ele contar sobre sua vida com toda a tranquilidade do mundo, não se importando nem com os momentos difíceis, os problemas. Da infância simples, confusão de família, os pais, brincadeiras de moleque, cinema, gibis e seus ídolos. Ao começo de carreira, as barreiras, persistência, detalhes de como era a produção de uma única tirinha e de como  ganhou dinheiro rodando elas de forma simples para o país inteiro.

Ele não dá tantos detalhes da vida pessoal, o mínimo pra gente entender suas fases da vida, conhecer os filhos e quem ele é hoje. Mas ele conta muito mais sobre sua vida profissional, que é o que nos interessa mais né! Contratos, encontros, ser o único brasileiro premiado no Oscar dos quadrinhos, conhecendo ídolos e virando amigos, viajando o mundo e ganhando ele. Ou como ele diz, tentando ganhar o mundo.

É lindo ver como ele é simples e humilde. É incrível ver como ele não se aquieta e quer sempre mais, busca mais, novidades, tecnologia, novos formatos e expansões. E se antes eu era fã do trabalho, agora sou fã do homem por trás disso tudo. E o livro valeu cada página, cada detalhe, cada imagem, cada sorriso e sim, umas lágrimas de emoção no final.

Gostou? Compre aqui:

 

Comments

comments

Mari Medeiros

Relações Públicas, fotógrafa, maquiadora, conectada e que gosta de fazer de tudo um pouco pra não cair no tédio.