Maquiagem de Sexta – Aquela das Cores

Toda maquiagem para mim é um grande processo criativo. Algumas vezes eu quero praticar tentando reproduzir ou fazer uma versão minha de alguma maquiagem de outra maquiadora. Outras vezes vejo uma paleta de cores e me jogo nela. E algumas vezes eu só vou pegando conforme eles me chamam na gaveta e criando ao longo do processo.

A maquiagem de hoje começou para ser uma inspiração, mas no final das contas eu não tinha bem as cores e me frustrei (era um verde lindo e o glitter da mesma cor). Então comecei a separar cores perto, e fui combinando com outras que tradicionalmente eu não combinaria. Sou meio careta e acabo sempre usando uma cor com o marrom ou o preto, mas hoje estava mais ousada e inspirada e fui sendo levada.

A maquiagem é fácil, poucos passos, mas com cores fortes e que dão um toque todos especial. E olha que ainda quase terminando, eu fiquei olhando tentando pensar em algo mais para colocar, um glitter talvez? Um delineador? Máscara roxa nos cílios? Mas acabei deixando simples. Vamos ver?

Pele

  • Primer spray NYX
  • B.B. Cream L’OREAL
  • Corretivo amarelo Quem disse, Berenice?
  • Pó translúcido Payot
  • Pó compacto castanho
  • Pó compacto Intense
  • Blush rosa NYX
  • Kit sobrancelhas Benefit

Olhos e boca

  • Primer branco NYX
  • Lápis jumbo roxo NYX com CR07 Klass Vough
  • Sombra aphrodisiatic MAC com E55 Sigma
  • Sombra purple NYX com E30 Sigma
  • Sombra vanilla Beauty Color com G7 Klass Vough
  • Lápis esmeralda Racco
  • Sombra hunter green NYX com E20 Sigma
  • Pigmento 12 Dailus com pincel lápis Beauty Color
  • Batom cor 73 Vult

Passo a passo

  1. Eu comecei com o lápis para criar uma base. Testei antes nas costas da mão para ver se ia mudar muito a cor da sombra, mas ficou bom, então não tive problema. Poderia ter usado outra cor de lápis, azul ou até preto, mas não queria nada muito escuro. E já esfumei e suavizei o contorno do lápis.
  2. Cobri com a sombra azul e sem pegar mais produto fui levemente esfumando o contorno e subindo mais a cor.
  3. Dei mais um toque de cor e suavizei com a uma sombra roxinha o contorno do azul.
  4. Iluminei abaixo das sobrancelhas com um nude cintilante.
  5. Segui para baixo dos olhos, primeiro com um lápis verde.
  6. Depois com uma sombra verde cintilante e mais escura.
  7. Nos cantos internos usei um pigmento dourado, mas que tem um fundo meio esverdeado.

Resultado final

E é claro que mandei cor para a boca também. Um nude ia ficar muito sem graça, e só um gloss é muito anos 90, mas até que iria. Então fui no roxo cintilante, porque conversa com a sombra do contorno e porque sim também.

Sei que não é nada habitual, mas eu gostei muito do resultado. É muito bom sair do conforto das cores básicas, das combinações batidas. Gostaram?

Comments

comments

Mari Medeiros

Relações Públicas, fotógrafa, maquiadora, conectada e que gosta de fazer de tudo um pouco pra não cair no tédio.