O ano começa só depois do Carnaval mesmo?

Quarta feira de cinzas. Acabou o principal do Carnaval, mesmo tendo alguma folia ainda em algumas cidades no final de semana, desfile das campeãs e bailinhos de ressaca, acabou. E para muitos, agora que vale a contagem regressiva, o brinde ao ano novo, a energia renovada. Mas é isso mesmo?

Eu logo depois do dia 1º tive a sensação de que o ano tinha começado, as ruas cheias, pessoas tocando a vida, projetos, trabalhos, planejamentos. Eu particularmente fiz muita coisa já em janeiro, fiz as consultas de check-up nos principais médicos, organizei agenda, tracei alguns planos, mapeei meu calendário e comecei janeiro com tudo. Nada de esperar a metade de fevereiro para colocar a vida em prática.

A vida passa muito rápido pra gente ficar esperando acontecimentos para se mexer sabe? Não dá para esperar o próximo feriado para sorrir e descansar, temos que saber sorrir e descansar todos os dias, nosso corpo precisa disso! Não dá para esperar acabar o carnaval para respeitar os limites do corpo, do organismo, precisamos saber exagerar e balancear logo, hidratar, cuidar da pele, comer comidas que nos fazem bem por completo. Não dá para esperar o carnaval acabar, em plena quarta feira e querer ver as metas do ano, tentar nesses 2 dias e meio, fazer várias mudanças e reviravoltas. Porque vamos combinar né, quem espera o carnaval acabar, um fim de semana no meio já faz esquecer toda a empolgação de alguns dias.

Então, se você aí sempre acreditou nessa ideia preguiçosa de muito brasileiro sobre o ano só começar agora, desprenda-se disso. Todo dia é dia de lutar pela vida, dar o melhor, estudar, cuidar da alimentação, planejar, mudar os planos, escolher novos caminhos. Não é depois do aniversário, na segunda-feira, depois do Carnaval ou só no ano que vem.

O ano já começou tem 45 dias, e se você esperou até agora para ele “começar” para você, você já está atrasada, já perdeu preciosíssimos 45 dias!

Comments

comments

Mari Medeiros

Relações Públicas, fotógrafa, maquiadora, conectada e que gosta de fazer de tudo um pouco pra não cair no tédio.