Os livros faça você mesmo – Preencher e Colorir

Talvez tenha começado antes, mas a memória que tenho é do “Destrua esse diário” que logo ganhou outros nomes, opções para escrever em anos, para casais, para fazer tarefas diferentes no dia a dia até chegar nos famosos livros de colorir.

Eles vieram tímidos, ganharam a sessão infanto juvenil primeiro, muitos adeptos, depois foi crescendo e agora virou uma loucura. Antes eram pessoas compartilhando suas páginas de seus diários e seus livros de preencher, agora existem perfis dedicados, vídeos, técnicas, sugestão de materiais, como não estragar a folha e até lojas criando páginas avulsas para download gratuito.

Então se você quer aumentar a sua coleção ou não conhece ainda as opções disponíveis nas livrarias desses livros, aqui vai:

livrosdiy

E esses foram os que encontrei por cima (todos na loja virtual da Livraria Cultura, mas vi também na Saraiva), porque muito livro se perde no meio de tantos de setores misturados. Então as opções que temos são os de preencher e completar como “Destrua esse diário”, “Termine esse livro”, Q&A, Litografia e outros e os para pintar, os dois famosos da Johanna e outros variados com temas diferentes.

O livro da “Floresta Encantada” eu já fiz a resenha aqui, mas folheei os outros algumas vezes e o “Jardim Secreto” tem algumas páginas com coisas escritas e alguns espaços para desenhar e completar. Os de autores variados, mais parecem patterns, ou seja, um desenho repetido várias vezes, e alguns possuem traços mais grossos, o que ficou pesado antes de pintar.

Os livros de preencher, já contei para vocês aqui sobre “O livro do bem” e aqui do Q&A de cinco anos. O livro do bem é nacional feito pelas meninas do Indiretas do bem. O Q&A é de fora e é todo em inglês, assim como outros do mesmo autor.

Não consigo imaginar até aonde essa moda vai, o que vem em seguida, a não ser por mais um livro da Johanna, agora com a temática de fundo do mar. Só sei que é realmente um passatempo colorir, é uma delícia e eu sinto falta as noites que não consigo tempo de sentar e pintar um pouquinho. Os de preencher geralmente gera um autoconhecimento, outras vezes um desconforto bom para sair da mesmice. Então se não sabe ao certo qual comprar ou se vai entrar na moda, eu aconselho que sim, se joga, vai ser feliz, faz por ordem, faz aleatório, rabisca, desenha, pinta e muda sua rotina.

Comments

comments

Avatar

Mari Medeiros

Relações Públicas, fotógrafa, maquiadora, conectada e que gosta de fazer de tudo um pouco pra não cair no tédio.