Quando tudo for muito

Tem dias que estamos mais sensíveis. E não é só para sentar e chorar, mas para sentir raiva e tanto sentimento negativo. Passamos a enxergar tudo com mais sensibilidade, mais tensão, mais dificuldade de aceitar e superar. Para as mulheres, pode ser que isso aconteça durante a TPM, mas todos estamos abertos para ter dias cinzas o tempo todo.

Problemas em casa, no trabalho, na faculdade, no relacionamento, no grupo, dentro da gente, no mundo. Aqueles mesmos problemas seguem existindo e nada se resolve, parece que nada muda, nada se resolve, nada encaminha. A atitude alheia incomoda e a gente já não quer mais lidar com isso. A energia esgota!

As notícias esgotam, a opinião alheia machuca. Preconceito, machismo, pobreza, ego, destruição. Tudo pesa em nossas costas e fica difícil aguentar tudo, é um peso que não faz mais sentido carregar.

Para esses dias, tudo bem dar um passo para trás. Tudo bem desligar a internet, a TV, não ver o jornal. Ficar um pouco recluso é uma boa solução. Se guardar um pouco, acalmar o coração, os pensamentos, recarregar as energias positivas sem receber mais carga negativa.

As vezes é preciso sair da rotina, mas não necessariamente ir viajar e respirar novos ares. Mas sair da mesmice, do cotidiano. Se calar um pouco para não falar coisa errada, não se envolver em muita conversa desnecessária, mudar o caminho, comprar comida em um lugar diferente, caminhar em outro parque, fazer outra aula da academia. Se recolher não precisa ser visto como algo ruim, estar quieto pode ser revitalizante. Ninguém é obrigado a estar sempre sorrindo e batendo papinho o tempo todo. O mundo tá girando e muita coisa ruim está acontecendo o tempo todo, e ainda temos os nossos problemas pessoais que nos deixam malucos por reclamar e saber que tem muita coisa pior. A vida é uma loucura, e mais louco ainda é pensar que precisamos estar felizes o tempo todo.

Tem dias que estamos putos da vida, irritados com o que está fora do lugar, com o nó que a vida fez e não conseguimos desfazer. Tudo bem!

Vai por mim, não precisa estar sempre com arco iris e flores. Não exija tanto de si! Tome seu tempo, lembre que para uma árvore florescer, ela precisa perder todas as folhas. Tenha consciência que dias ruins virão, dias que tudo parecem mais do que podemos aguentar. Mas todos os dias o sol aparece, mesmo que seja entre nuvens.

Para esses dias, faça coisas simples e que te fazem bem. Faça sua atividade física favorita, coma seu prato predileto, assista aquele filme ou seriado que sabe de cor e não se cansa nunca, assista desenho animado, cuida sua imagem, medite, respire, abrace alguém, abrace seu bichinho, coma pipoca, tome uma taça de vinho, chore, tome um banho com as luzes apagadas, ouça músicas que ama, encolha-se na cama e depois alongue-se com toda força. E vez ou outra force um sorriso e reforce: vai ficar tudo bem!

Comments

comments

Mari Medeiros

Relações Públicas, fotógrafa, maquiadora, conectada e que gosta de fazer de tudo um pouco pra não cair no tédio.