Você adia a sua felicidade?

Pare um pouquinho para pensar em que momentos você sente aquela felicidade simples, aquela que esquenta o corpo todo e tudo ganha cores novas e a vida faz sentido. Pensou? Quantos itens dessa lista exigem coisas grandiosas? Possivelmente nenhum não é?

Pode olhar a sua volta, dar uma olhada em fotos ou aí dentro na sua memória. Felicidade mesmo, aquela gostosa de viver está presente nas coisas mais simples, pequenos gestos, momentos. Uma conversa longa com alguém, a descoberta do novo pelo olhar de uma criança, uma comida maravilhosa. Pode ser ainda completar aquela suada corrida, andar descalço na grama ou na areia, o cheirinho de café, de chuva, de sabonete. Matar a saudade de alguém que mora longe, um abraço apertado, sentir mais leve depois de chorar.

E a verdade é que buscamos coisas grandiosas o tempo todo, sucesso, ser promovido, likes, seguidores, viagens, restaurantes estrelados, roupas, calçados e sim, muitos trazem alguma felicidade. Muitos são momentos marcantes e importantes da vida. Mas quero falar mais da sensação, do efeito que a felicidade tem em nosso corpo e o por que é mais simples que pensamos.

Viajar, pra maioria das pessoas é o ápice. É o momento de férias, de explorar o novo, de realizar um sonho, de ver o dinheiro ser bem investido. Não tem coisa melhor mesmo! Mas quando voltamos de uma viagem o que mais nos marca são os momentos de felicidade, aqueles que deram cor e sabor pra viagem. Pensa comigo, os aromas que esse lugar novo trouxe para o cérebro, pode ser da areia, do campo, dos carrinhos de comida nas ruas. As pessoas que cruzaram seu caminho, o taxista simpático que trocou uma ideia com você, o garçom do restaurante que te ajudou em algo, os desconhecidos que fizeram você amar o local visitado. E as comidas, ah sim, os novos sabores, temperos, misturas, comidas simples e requintadas. Então a felicidade ficam nesses pequenos detalhes da viagem, e não em quanto você gastou por passeio, se foi no restaurante mais caro ou no lugar que pessoas locais realmente frequentam.

Ser promovido ou começar a alcançar o sucesso no que faz, não é sobre retorno financeiro. É sobre reconhecimento, sobre pessoas que se inspiram em você, sobre sentir orgulho do que faz. É sobre estar fazendo a coisa certa, no caminho certo.

A felicidade está no sentimento, nas sensações, nas coisas mais simples. Então não perca tempo esperando a semana toda porque só consegue ser feliz no final de semana ou o ano todo esperando as férias. Busque essas pequenas sensações todos os dias, sinta essa felicidade sempre que puder. Pare para sentir o cheirinho da comida que foi preparada para você, o aroma do café passando, a roupa saindo da máquina de lavar, a água escorrendo pelo corpo no chuveiro depois de um longo dia. O cheiro da chuva, do perfume de alguém querido, a satisfação depois da atividade física, do alongamento, no abraço, nos encontros, nos sorrisos, ajudando alguém que precisa.

Chega de adiar a felicidade, chega de deixar ela para os momentos especiais como se fosse um perfume caro.

Comments

comments

Mari Medeiros

Relações Públicas, fotógrafa, maquiadora, conectada e que gosta de fazer de tudo um pouco pra não cair no tédio.